quarta-feira, 13 de junho de 2018

COPA DO MUNDO 2018

Alguns amam muito, outros nem tanto. Mas, não podemos duvidar que a cada quatro anos a Copa do Mundo de Futebol, invade nossas vidas de uma maneira bem intensa.

Compartilho com vocês uma sequência de atividades com o tema Copa do Mundo para crianças do Ciclo de Alfabetização.


A todos os torcedores, boa sorte!

























quarta-feira, 18 de maio de 2016

FESTA JUNINA


OS PRIMEIROS VERSOS DE UMA DAS CANÇÕES MAIS POPULARES DAS FESTAS JUNINAS, SERVEM DE PANO DE FUNDO PARA ILUSTRAR UMA DAS MAIS IMPORTANTES MANIFESTAÇÕES CULTURAIS POPULARES DO BRASIL: AS FESTAS JUNINAS.
ORIGINALMENTE, TRATA-SE DE FESTAS CATÓLICAS QUE HOMENAGEIAM, NO MÊS DE JUNHO, TRÊS DOS MAIS CONHECIDOS SANTOS BRASILEIROS: SANTO ANTÔNIO, SÃO JOÃO E SÃO PEDRO.
AO MESMO TEMPO, ESSAS FESTAS TÊM ORIGEM NA EUROPA DA IDADE MÉDIA, FUNCIONAM COMO VERDADEIROS RITUAIS DE FERTILIDADE E SERVEM PARA CELEBRAR BONS RESULTADOS NAS COLHEITAS E PEDIR QUE O PRÓXIMO PLANTIO TAMBÉM TRAGA BONS FRUTOS.
 COM O TEMPO, AS FESTAS MEDIEVAIS FORAM INCORPORADAS AO AMBIENTE BRASILEIRO E ADAPTARAM-SE ÀS DIVERSAS REGIÕES DO PAÍS, FORMATANDO A MANEIRA COMO SÃO COMEMORADAS ATUALMENTE.
AS FESTAS COSTUMAM TER SEUS AMBIENTES DECORADOS COM BANDEIRINHAS COLORIDAS E FOGUEIRAS, UMA VEZ QUE AQUI NO BRASIL ELAS SÃO REALIZADA NA ÉPOCA MAIS FRIA DO ANO.
DEVIDO À ABUNDANCIA DA COLHEITA DO MILHO NESSA ÉPOCA, OS QUITUTES MAIS POPULARES DA FESTA SÃO FEITOS À BASE DESSE GRÃO: COMO POR EXEMPLO A PIPOCA, O BOLO DE FUBÁ E O CURAU. A MANDIOCA, FARTAMENTE PRESENTE NA COZINHA BRASILEIRA É MUITO APRECIADA NAS FESTAS, ASSIM COMO O QUENTÃO, QUE É UMA BEBIDA FEITA DE GENGIBRE E AJUDA A SUPORTAR O FRIO NAS NOITES DE JUNHO.
DANÇAS COMO O FORRÓ (NO NORTE E NO NORDESTE) E A QUADRILHA (NO SUDESTE E NA REGIÃO CENTRAL DO BRASIL) CONFEREM MAIS GRAÇA À FESTA.
NA QUADRILHA, EMBALADA PELA TRADICIONAL “MÚSICA CAIPIRA” EXECUTADA POR SANFONEIROS, AS MULHERES USAM VESTIDOS COLORIDOS, MAQUIAM-SE EXAGERADAMENTE E QUASE SEMPRE ESTÃO DE CHAPÉUS COM TRANÇAS POSTIÇAS. OS HOMENS COLOCAM REMENDOS NAS CALÇAS, USAM CAMISA XADREZ COM LENÇO NO PESCOÇO, CHAPÉU DE PALHA E PINTAM BARBA E BIGODES NO ROSTO, CARACTERIZANDO-SE COMO O “CAIPIRA BRASILEIRO”. ALGUNS ESCURECEM UM OU OUTRO DENTE, PARA PARECER BANGUELA.
NA QUADRILHA, HÁ TAMBÉM AS FIGURAS DE UM CASAL DE NOIVOS E DO PADRE QUE CELEBRA O MATRIMÔNIMO. DURANTE A DANÇA, OS CASAIS SEGUEM OS PASSOS ORIENTADOS POR UM ANIMADOR.




A SEGUIR ALGUMAS SUGESTÕES DE ATIVIDADES SOBRE O TEMA !





























sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

Fábrica de contos


A postagem de hoje é uma sugestão para produção de textos que pode ser realizada oralmente por aquelas crianças que ainda não dominaram totalmente a escrita, ou ainda em duplas ou até pequenos grupos.

São oferecidos para as crianças envelopes com elementos que compõem uma história  e as elas deverão sortear estes elementos que precisarão ser contemplados em suas narrativas.



EXTRAÍDO DO LIVRO: 


Práticas Pedagógicas Em Alfabetização - Espaço, Tempo e Corporeidade


Piccoli, Luciana; Camini, Patrí­cia


Editora: EDELBRA

Sobre o livro:
O livro discute a alfabetização na escola contemporânea, considerando as variadas culturas escritas pelas quais as crianças transitam. Sugere práticas pedagógicas que possibilitam aliar oralidade, leitura e escrita à compreensão das estruturas linguísticas e às funções sociais da língua para ensinar a ler e produzir diferentes gêneros textuais.




PROPOSTA DO LIVRO:

"EM CAIXINHAS, DISPOR ELEMENTOS QUE POSSAM COMPOR UMA NARRATIVA FANTÁSTICA, DE FORMA A AJUDAR OS ALUNOS A OBTEREM UMA NARRATIVA INUSITADA QUE APOIE SUAS ESCRITAS INICIAIS. 

UM POR VEZ, OS ALUNOS SORTEIAM ELEMENTOS DAS CAIXINHAS. 
OUTRA POSSIBILIDADE É BUSCAR, ENTRE AS ALTERNATIVAS DE CADA CAIXA OS ELEMENTOS QUE COMPORIAM UMA NARRATIVA MAIS COERENTE.
 NO LUGAR DAS CAIXINHAS, A PROFESSORA PODE ORGANIZAR UM MURAL PARA A FÁBRICA DE CONTOS, COM ENVELOPES E BOLSINHOS."














MONTE VOCÊ TAMBÉM SUA FÁBRICA DE CONTOS!